ENCALÇO DE ESPERA

6 de dezembro de 2010 0 comentários
Espero-te no encalço
na vontade de ser aquela 
com mil colos e mil beijos...
Ei de me tornar...
Então não reparas
que tudo virou alquimia
e que meio na contramão,
vou desperdiçando meu "sim"...
até que a sua alma "infarte" no estúpido
engate de segredo dentro de mim...
                                                                 ( Marília Mendes )

0 comentários: